top of page
Buscar

Conheça novas distribuidoras e entenda como elas podem ajudar na sua carreira

Como artistas independentes podem construir parcerias para se promover no cenário musical


Atualmente, é cada vez mais comum o crescimento de artistas independentes que buscam visibilidade no meio fonográfico. Com poucos recursos, eles utilizam da autonomia para se arriscar na produção de materiais e a divulgação do seu trabalho em um espaço cada vez mais competitivo na indústria musical. Para alcançar a independência na carreira, é importante saber que a busca por parcerias, além de dar um empurrão nesse comecinho, fortalece laços entre empresas para futuros projetos.


Entenda qual o papel das distribuidoras


As distribuidoras têm um papel importante na difusão de novos talentos, mas costuma ser um desafio para esses artistas. Essas empresas podem atuar com a distribuição do material, promovendo discos em lojas físicas ou online. Com a distribuição digital através das plataformas de streaming, elas auxiliam nos serviços adicionais de monetização, como o uso da música no youtube, redes sociais, programas de TV entre outros.


Hoje com a popularização das plataformas digitais, o artista conquistando esse espaço pode alcançar seus potenciais fãs em menos tempo. Mas ainda que você invista em uma distribuidora, ela só terá bons resultados se a sua estratégia for feita de forma inteligente e bem criativa. Assim, ela conseguirá uma comunicação mais prática com seu público.


Conheça 3 distribuidoras que vem tendo destaque no mercado


1. LANDR: Sua distribuição trabalha em mais 250 lojas de músicas e plataformas incluindo Apple Music e Google Play. Além disso, eles fornecem outras ferramentas de engajamento, criação de releases e relatórios que servem para acompanhar o andamento do seu trabalho e analisar futuras decisões na carreira.


2. TRATORE: Nova no meio fonográfico, a empresa atua apenas na distribuição digital. Sua divulgação inclui álbuns, EPs e singles nas principais plataformas de streaming e download pagos. Para a monetização dos vídeos no Youtube, ela é agregadora da The Orchard, empresa proprietária da Sony que também atua na distribuição.


3. SHAKE MUSIC: Atua na distribuição e edição de músicas para todo o mundo. Para obter precisão, a empresa utiliza ferramentas de dados como Analytics e de Marketing que podem ser controladas tanto pelo artista quanto pelo selo. Assim, busca conectar esses profissionais independentes para promover seu trabalho.


Como você acompanhou, as distribuidoras possuem um papel importante na carreira de qualquer artista. Para o músico que deseja ter seu trabalho reconhecido, é necessário estar atento ao cenário fonográfico e apostar em parcerias de distribuição. Esse processo irá facilitar com que seu som alcance o mundo.



8 visualizações

Коментарі


bottom of page